Esconder - Ganhe 11% de desconto pagando no boleto

    Eletrodos de Carvão 5/16"x12"" 012014812 Carbografite

    Cód. Ref.
    082550880002

    PROMOÇÃO RELÂMPAGO

    Tempo para o término desta promoção:

    Esconder - Ganhe 11% de desconto pagando no boleto

    Por: R$ 3,30

    Preço a vista: R$ 3,30

    Comprar

    Descrição

    Eletrodos de carvão 5/16X12 Carbografite Utilizados para corte e goivagem no processo Arco-ar. Largamente utilizados em fundições, caldeirarias, estaleiros, minerações, siderúrgicas e outros segmentos metal-mecânico. Processo Arco-ar: O arco elétrico em ligação com o ar comprimido forma a base do processo de chanfrar (também conhecido pelo nome de processo Arco-ar) para um trabalho rápido e econômico em todos os tipos de aço. Entre um eletrodo cobreado de carvão-grafite e a peça de aço a ser trabalhada estabelece-se um arco, cujo calor intenso faz com que o aço a ser retirado entre em fusão. Um forte jato de ar soprando ao mesmo tempo em que se processa a operação paralelamente ao eletrodo, retira o aço fundido antes que se possa formar a escória. Vantagens do processo de chanfrar: Emprego simples e sem problemas em todas as posições de serviço. Superfícies limpas de corte e de chanfragem, que na maioria dos casos não necessitam de tratamento posterior. Fácil adaptação às necessidades fabris através de escolha criteriosa dos diâmetros dos eletrodos, alta velocidade de trabalho e grande rentabilidade. Modo de aplicar: Quando se trabalha em corrente contínua, a peça deverá ser ligada ao polo negativo e o eletrodo ao polo positivo, pois desse modo evita-se o super aquecimento da peça. Aços de elevado teor em elementos de liga são trabalhados segundo a espécie da liga, muitas vezes com inversão dessa polaridade.

    Descrição

    Descrição do Produto:Eletrodos de carvão 5/16"X12" 012014812 Carbografite
    Detalhes do Produto:

    Eletrodos de carvão 5/16"X12" Carbografite

    Utilizados para corte e goivagem no processo Arco-ar. 
    Largamente utilizados em fundições, caldeirarias, estaleiros, minerações, siderúrgicas e outros segmentos metal-mecânico.
    Processo Arco-ar: O arco elétrico em ligação com o ar comprimido forma a base do processo de chanfrar (também conhecido pelo nome de processo Arco-ar) para um trabalho rápido e econômico em todos os tipos de aço. Entre um eletrodo cobreado de carvão-grafite e a peça de aço a ser trabalhada estabelece-se um arco, cujo calor intenso faz com que o aço a ser retirado entre em fusão. Um forte jato de ar soprando ao mesmo tempo em que se processa a operação paralelamente ao eletrodo, retira o aço fundido antes que se possa formar a escória.
    Vantagens do processo de chanfrar: Emprego simples e sem problemas em todas as posições de serviço. Superfícies limpas de corte e de chanfragem, que na maioria dos casos não necessitam de tratamento posterior. Fácil adaptação às necessidades fabris através de escolha criteriosa dos diâmetros dos eletrodos, alta velocidade de trabalho e grande rentabilidade.
    Modo de aplicar: Quando se trabalha em corrente contínua, a peça deverá ser ligada ao polo negativo e o eletrodo ao polo positivo, pois desse modo evita-se o super aquecimento da peça. Aços de elevado teor em elementos de liga são trabalhados segundo a espécie da liga, muitas vezes com inversão dessa polaridade.